segunda-feira, 21 de maio de 2018

Falso corretor de imóveis da Região Serrana está foragido

A Polícia Civil está na procura de Júlio César Fernandes da Silva, 54 anos, que está foragido após ter realizado vendas de lotes de forma fraudulenta, junto com um comparsa, nos municípios de Marechal Floriano, Domingos Martins e Alfredo Chaves.


De acordo com informações da Polícia Civil, Júlio César, que teve seu mandato de prisão por estelionato expedido pela justiça de Alfredo Chaves no dia 14 maio, agia desde 2014 junto com Nilson Pires da Silva, que já foi preso em Marechal Floriano.

A delegada Rhaiana Bremenkamp, responsável pela prisão de Nilson, explicou como os dois aplicavam seus golpes na região. “Eles se passavam por corretores imobiliários e proprietários de terrenos nas regiões de Marechal Floriano, Domingos Martins e Alfredo Chaves. Dessa forma, eles vendiam propriedades para moradores da região, que quando iam tomar posse, descobriam que os imóveis já possuíam donos. Nós fomos procurados por sete pessoas que foram lesadas por eles”, informou Rhaiana.

No total, sete vítimas, que tiveram prejuízos entre R$ 15 e R$ 40 mil, já procuraram a Delegacia de Defraudações e Falsificações. “Depois dos golpes, elas (as vítimas) procuravam os suspeitos e não recebiam retorno. As que insistiam bastante ouviam que teriam o dinheiro devolvido. Quando iam até o banco, as vítimas descobriam que o cheque que elas haviam recebido dos acusados, havia sido cancelado por motivo de furto e roubo”, contou à delegada.

De acordo Rhaiana, Nilson foi autuado por estelionato e encaminhado para o Centro de Triagem de Viana (CTV), enquanto que Júlio César segue foragido. “Quem tiver informações sobre o paradeiro dele (Júlio César Fernandes), que entre em contato com o Disque Denúncia - 181. O sigilo e o anonimato são garantidos”, pediu a delegada.

Em 2015, Júlio César Fernandes da Silva e Nilson Pires da Silva foram presos, junto com outros três homens, acusados pelo Ministério Público do Espírito Santo (MPES) de venderem terrenos em loteamentos clandestinos em Marechal Floriano e em Domingos Martins.

Fonte: Montanhas Capixabas
Texto: Juliano Rangel

SHARE THIS

Author:

Etiam at libero iaculis, mollis justo non, blandit augue. Vestibulum sit amet sodales est, a lacinia ex. Suspendisse vel enim sagittis, volutpat sem eget, condimentum sem.

0 comentários: