terça-feira, 21 de junho de 2016

Onça pintada é abatida após participação na passagem da tocha olímpica

O Ipaam - Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas notificou o Comando Militar da Amazônia pela morte da onça pintada, Juma, na noite dessa segunda-feira. A onça era mascote do zoológico do Centro de Instrução de Guerra na Selva, em Manaus. O animal foi exposto durante a passagem da tocha olímpica pelo local.

Foto: Reprodução 
O Instituto também cobra explicações oficiais sobre a exposição do bicho, sem autorização dos órgãos ambientais.

Em nota o IPAAM diz que aguarda explicações sobre as circunstâncias do acidente e afirma que vai adotar as medidas cabíveis após as respostas oficiais do Comando Militar da Amazônia.

Na noite dessa segunda-feira, o Ministério da Defesa explicou que a onça precisou ser abatida depois de escapar do zoológico. O animal chegou a receber tranquilizantes mas, ainda assim, atacou um militar.

O disparo de pistola contra o animal teria sido um procedimento de segurança, segundo os militares. O Centro de Instrução de Guerra na Selva abriu processo administrativo para apurar os fatos.

Na internet, milhares de pessoas criticaram a exposição da onça no evento olímpico, e a morte do animal. A onça pintada é o maior felino do continente americano e está ameaçada de extinção.

A lei que dispõe sobre crimes ambientais prevê detenção de seis meses a um ano, e multa, para quem mata ou utiliza animais silvestres ou nativos, sem a devida permissão, licença ou autorização. O Comando Militar da Amazônia ainda não se pronunciou sobre a notificação.

Fonte: Agência Brasil

SHARE THIS

Author:

Etiam at libero iaculis, mollis justo non, blandit augue. Vestibulum sit amet sodales est, a lacinia ex. Suspendisse vel enim sagittis, volutpat sem eget, condimentum sem.

0 comentários: