quarta-feira, 22 de junho de 2016

Inadimplência com cheques cresce e atinge segundo maior nível para maio

Em maio, o número de cheques devolvidos por falta de fundos no país atingiu 2,39%, o segundo maior patamar para o mês desde 1991. O dado foi divulgado hoje (22) pelo Indicador Serasa Experian de Cheques sem Fundos. O maior nível atingido foi em maio de 2009, com 2,52% de cheques devolvidos.

Foto: Reprodução
Segundo a Serasa, 1.208.897 cheques foram devolvidos em maio, enquanto 50.622.591 cheques foram compensados.

Em abril, 2,38% de cheques foram devolvidos por falta de fundos, enquanto em maio do ano passado, o percentual atingiu 2,29%.

Para os economistas da Serasa Experian, o crescimento no número de cheques devolvidos se deve ao aumento do desemprego no país e à queda do rendimento médio da população.

Fonte: Agência Brasil

SHARE THIS

Author:

Etiam at libero iaculis, mollis justo non, blandit augue. Vestibulum sit amet sodales est, a lacinia ex. Suspendisse vel enim sagittis, volutpat sem eget, condimentum sem.

0 comentários: