quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Polícia Militar apreende êxtase, dinheiro e documento falso em Afonso Cláudio

Kennedy Lenk

Uma denúncia de um comerciante culminou com a prisão de três jovens e na apreensão de dinheiro e uma CNH falsa. Vários documentos, comprovantes de depósitos e comprimidos de êxtase também foram apreendidos com os jovens, na tarde desta terça-feira (06), em Afonso Cláudio. Assim que o comerciante deu conta que uma cédula de R$ 100,00, era falsa, a polícia foi contatada e entrou no caso imediatamente e conseguiu finalizar a ocorrência.

                                                                                                        Foto: Polícia Militar

Informados de que os suspeitos estariam em um veículo Volkswagen Gol, de placas MRC-4444 (Afonso Cláudio), o Serviço Reservado (P2), apoiados pelos policiais Rodrigues, Wanderlei, Hudson, Santiago e Guilherme, localizaram o acusado L.P.G.D., 21 anos, conduzindo o veículo. Segundo informações, mais dois jovens, F.S.L., 30, e G.V.S., cuja idade não consta em BO, estariam com o suspeito no bar e teriam abastecido outro veículo com notas falsas.

Na casa de L.P.G., os policiais encontraram uma CNH falsa. Segundo o acusado, o documento foi confeccionado por P.V.O.C., 29, que foi localizado após a prisão dos outros jovens, todos de classe média. Entre eles, G.V.S., que conseguiu despistar e fugir da polícia, quando seus amigos já estavam presos. Sem trégua policial, ele acabou localizado e, na sua casa, um vasto material ilícito foi encontrado.

Dois frentistas compareceram na 2ª Cia na tarde de ontem (06), quando os acusados eram ouvidos. Os funcionários do posto de combustíveis relataram que na tarde de segunda-feira (05), F.S.L. teria abastecido um veículo em horários distintos com notas de R$ 100,00 falsificadas. Com as informações em mãos, faltava a visita da PM na casa de G.V.S., já que relatos o colocavam como principal envolvido nas fraudes.

Na residência de G.V.S. foi encontrado mais uma nota falsa de R$ 100,00, documentos, vários recibos de depósitos em nome de outras pessoas, além de 18 comprimidos de êxtase e outra substância, que, segundo G.V.S., é Quetamina, um anestésico para animais (cavalos). De acordo com a polícia, o produto é líquido, mas é cristalizado em microondas. Os quatro presos e todo material ilícito foram encaminhados para a DEPOL de Venda Nova do Imigrante.

Fonte: Montanhas Capixabas

SHARE THIS

Author:

Etiam at libero iaculis, mollis justo non, blandit augue. Vestibulum sit amet sodales est, a lacinia ex. Suspendisse vel enim sagittis, volutpat sem eget, condimentum sem.

0 comentários: